quarta-feira, 30 de julho de 2008

SESC Joinvile


Na próxima semana o SESC movimenta a Cultura na cidade. Confira!

Abertura da Exposição PRETEXTO Fotografia SESC JoinvilleQuando: 04 de agosto - 20 horasOnde: Galeria de Arte Victor Kurcancew – Anexo Casa da Cultura
Parceria: Prefeitura Municipal de Joinville, Fundação Cultural de Joinville e Galeria de Arte Victor Kursancew.

ENTRADA FRANCA

VIAPOESIAEspetáculo: O MUNDO MARAVILHOSO DA POESIA DE CORDEL (PB) com Abdias CamposRecital de poesia popular, da literatura de cordel, que se utiliza da música por duas violas na escala moura, para apresentá-la, tanto pelo canto, como pela a declamação. Assim como, utiliza-se também, do teatro para os apelos cênicos dos textos, contextualizando os diversos temas e personagens dos poemas durante o recital.No palco, Abdias Campos declama, canta e toca viola; Eduardo Buarque toca viola. Abdias Campos é poeta cordelista, violeiro, compositor, ator declamador e cantador. Ao longo de uma carreira de mais de 20 anos tem mergulhado na sua própria vivência de artista popular e realizado de forma contemporânea e original uma leitura do seu fazer artístico.Quando: 04 de agosto - 20 horasOnde: Galpão de Teatro da Cidadela Cultural AntárticaRua: XV de Novembro, 1383. AméricaENTRADA FRANCA - Lugares Limitados
Apoio: Ajote
Exposição PROJETO MÁQUINASQuando: 05 de agosto - 20 horasOnde: Anexo 2 (MAJ) - Cidadela Cultural AntárticaRua: XV de Novembro, 1383. América
Parceria: Prefeitura Municipal de Joinville, Fundação Cultural de Joinville e Museu de Arte de Joinville.ENTRADA FRANCAVIAPOESIA

Espetáculo: TAMBAKA Performance Poética com Ricardo CoronaA voz é movimento e delineia a dinâmica sonora que, às vezes, se apóia na natural melodia da língua falada; no microcosmo da boca; no corpo; nas possibilidades rítmicas do texto; na assonância da linguagem inventada; na micro-modulação da leitura; no sopro; na manipulação eletrônica; na permutação acústica de grupos de palavras; na capacidade técnica da dicção; na percussão vocálica; nas qualidades hipnóticas do texto; nas variações fonéticas interpretativas; nos efeitos contrapontísticos da montagem; no fonema; no berro. O poema, neste universo, tem como principal característica à experimentação oral.A performance acontece com a voz por meio de elaborações fonéticas ou com efeitos sonoros de equipamento eletrônico, com elementos corporais, performáticos, video/gráficos, de luz e de movimento.Quando: 06 de agosto - 20 horasOnde: Galpão de Teatro da Cidadela Cultural AntárticaRua: XV de Novembro, 1383. América
Apoio: AjoteENTRADA FRANCA - Lugares LimitadosAproveitamos para convida-lo(a) a prestigiar, dia 11 de agosto, às 19h30, na Unidade do SESC Joinville, o projeto CINE - SESC, com o filme Tapete Vermelho de Luiz Alberto Pereira com Matheus Nachtergaele e Gorete Milagres.
Informações: (47) 34413319 / 34413305

Nenhum comentário: