quarta-feira, 30 de julho de 2008

Lançado hoje Livro que resgata a Estrada de Ferro do Contestado

Memória
O caminho é só do trem
Lançado hoje Livro que resgata a Estrada de Ferro do Contestado

Durante dez anos, o artista plástico Roberto Moreira Junior aproveitou as férias em Caçador, sua cidade natal, para fotografar a histórica estrada de ferro do Contestado. O resultado é o livro "Terra Madeira e Trilho: Retratos e Paisagens da Ferrovia do Contestado", lançado hoje na Sala de Exposições do Museu Victor Meirelles, em Florianópolis.O livro resgata a memória recente das paisagens da quase centenária estrada de ferro do Contestado, fundada em 1910, e cenário importante da história de Santa Catarina no último século. Entre 1995 e 2005, Roberto registrou a transformação da paisagem, agora restaurada, e ouviu pessoas que utilizam até hoje a estrada para transporte de barro e insumos. "Eu sempre presenciei os trilhos parados. Isso me chamou a atenção", avalia. Para ele, a relação do povo do Meio-oeste catarinense com a estrada é muito forte, mais do que um simples monumento no meio da cidade.Outro fator foi a restauração do espaço. Antes esquecida e tomada pelo mato, a estação ferroviária chama a atenção pela imponência de uma obra do início do século passado. Hoje a área é preservada e abriga a Fundação Cultural de Caçador. Roberto optou pela distribuição gratuita. "Terra Madeira e Trilho" tem tiragem de mil edições e mais mil cartões postais. Na Capital serão distribuídos cem exemplares.
Saiba +
Conheça a obra
"Terra Madeira e Trilho: Retratos e Paisagens da Ferrovia do Contestado" - Roberto Moreira Júnior. Editora do autor, 60 páginas.
+
O QUÊ: lançamento de "Terra Madeira e Trilho", de Roberto Moreira Junior.
QUANDO: hoje, às 18 horas.
ONDE: Sala da Exposições do Museu Victor Meirelles, rua Victor Meirelles, 59, Centro, Florianópolis.
QUANTO: gratuita, com distribuição de cem exemplares.

Nenhum comentário: