quarta-feira, 18 de junho de 2008

Festival de teatro de animação começa hoje com "Le Fin des Terres"

Fita Floripa
Mãos que realizam história
Festival de teatro de animação começa hoje com "Le Fin des Terres"

Uma viagem ao centro dos sonhos vai ser contada por atores de carne e osso e outros nem tanto. O espetáculo "Le Fin des Terres" ("O Fim das Terras") é feito pelas mãos da Cie. Phillipe Genty num cenário que exala arte. Elas fazem bonecos inanimados se transformarem em personagens enigmáticos e criaturas fantásticas, que dançam e contracenam numa verdadeira pantomima. O grupo francês abre hoje o 2o Festival Internacional de Teatro de Animação, o Fita Floripa, às 20 horas, no Teatro Ademir Rosa (CIC).A programação vai até domingo nos teatros e nas ruas, com 15 grupos nacionais e quatro internacionais (confira a programação de hoje no quadro). Neste ano, o Teatro Álvaro de Carvalho também será um dos palcos. De acordo com a organização, foram ampliados de 14 para 19 o número de grupos participantes.São oito grupos do Estado participando do festival. Das quatro companhias internacionais, a mais aguardada é a companhia de Philippe Genty. O grupo volta ao palco do CIC, amanhã, no mesmo horário, para mostrar a montagem num cenário que faz referência às pinturas de artistas como Salvador Dalí, Pablo Picasso e René Magritte.O Fita Floripa começa pela manhã, com apresentações em comunidades e na UFSC, e à tarde, no Largo da Alfândega. Este ano, dois acervos de bonecos podem ser visitados no Centro de Cultura e Eventos da UFSC. "Wajang: Teatro de Bonecos da Indonésia" traz a coleção particular da arte educadora Conceição Rosière, e "Brinquedo Brincadeira - a Alegria do Nordeste" exibe uma mostra de títeres brasileiros, da pesquisadora Magda Modesto.

Informações:
(48) 3721-9348 e na página www.fitafloripa.com.br.

Nenhum comentário: