segunda-feira, 26 de maio de 2008

As Três Irmãs de Anton Tchékhov

As Três Irmãs de Anton Tchékhov


- 28/05/08 às 20h - SESC Prainha (Florianópolis) -
- Centro - - ingresso: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) -


Ficha Técnica
Adaptação e Direção: Marianne Consentino
Elenco: Débora de Matos, Greice Miotello e Paula Bittencourt
Músicos: Cassiano Vedana, Gabriel Junqueira Cabral e Mariella Murgia
Concepção Musical: Cassiano Vedana, Gabriel Junqueira Cabral, Mariella Murgia e Neno Miranda
Orientação de Pesquisa: Armando Sergio da Silva (USP) e Valmor (Nini) Beltrame (UDESC)
Figurino e Cenografia: o grupo
Iluminação: Ivo GodoisIluminador: Egon Seidler
Foto: Camila Ribeiro
Projeto gráfico: Daniel Oliveto

Sinopse
A peça discorre sobre o desejo das irmãs Olga, Maria e Irina de retornarem à cidade natal, de onde saíram com o pai, general militar, há onze anos. Ainda mais importante que o plano dos acontecimentos, porém, é a exposição dos conflitos que se estabelecem entre o plano da vida material – o cotidiano da vida humana – e o plano espiritual – a eternidade. O espetáculo, fruto da pesquisa de mestrado desenvolvida pela diretora em Prática Teatral pela ECA/USP e encenado pela Traço Cia. de Teatro de Florianópolis, aborda o clássico texto do dramaturgo russo Anton Tchékhov a partir da técnica do clown.


O que falaram sobre o espetáculo:
"... se reconhece um estudo pessoal da diretora revelando uma via instigante de aprofundar a presença cênica do ator e ampliar e intensificar a sua performance no palco. Por esse motivo, recomendo a apresentação desse espetáculo nos espaços onde se pretenda oferecer um olhar renovado da cena ao espectador de teatro."
Antonio Januzelli

" ... é um espetáculo muito sutil, delicado, que nos afeta de forma positiva e alegre, a ponto desse afeto nos proporcionar uma ampliação de ação, ou seja, o espectador sai da apresentação imbuído de alguma coisa."
Renato Ferracini

"... é um espetáculo que se caracteriza pelo aprimoramento técnico, sutilieza, refinamento e principalmente pela presença da poesia em cena."
Valmor Nini Beltrame

www.tracoteatro.blogspot.com

Nenhum comentário: